Desde 1937, os Capuchinhos procuravam estabelecer-se no Porto. Em 18 de junho, o Bispo diocesano deu-lhes a necessária licença, logo confirmada pela Sagrada Congregação dos Religiosos e pelo nosso Ministro Geral. Os primeiros instalaram-se, como capelães de um Asilo-Colégio, na Rua de São Dinis, ao Carvalhido. Em janeiro-fevereiro de 1939, o Vigário Provincial de Castela adiantou o sinal para comprar um terreno na Rua António Cândido, perto da igreja da Conceição, que estava a ser construída; mas, face à oposição do futuro pároco, a 17 de outubro comunicou ao senhor Bispo que desistia da compra. O senhor Bispo concedeu-nos, em troca, a igreja de S. José das Taipas, para aí exercermos o ministério. Finalmente, em 1940, comprou-se Quinta e Casa na Rua Nova do Tronco, ao Amial, freguesia de Paranhos, junto da Circunvalação.

Após várias adaptações da Casa, em outubro de 1941 abriu aqui o Seminário Menor, com 20 alunos, deixando-se a Casa na Rua de São Dinis. A 19 de novembro de 1942 chegaram os pós-noviços vindos de Barcelos, para aqui frequentarem o curso de Filosofia, até 1954. Em 7 de dezembro de 1958, foi solenemente benzida a atual igreja, com o título de Nossa Senhora da Conceição; e em 1966, o novo Convento, para acolher os nossos Estudantes de Filosofia e Teologia, que ainda hoje têm aqui a sua casa de formação, frequentando a Universidade Católica.

Desde 1974, os Capuchinhos são párocos da paróquia do Amial, e a nossa igreja é, desde 1980, sede da mesma paróquia, com o título de Nossa Senhora do Amial. Além da formação dos pós-noviços, os capuchinhos aqui residentes dedicam-se à pregação popular, ao apostolado bíblico, ao ministério da reconciliação, à catequese de crianças e adultos, à assistência dos doentes no Hospital de Santa Maria e no Instituto Português de Oncologia, de que são capelães, e à assistência de idosos, para o qual foi construído na paróquia o Centro de Dia.

 

Contatos da Fraternidade:

Rua Nova do Tronco, 504
4250-339 PORTO
Telf.: 228348850

 

Paróquia de Nª. Sra. do Amial

Instituição da Paróquia de Nª. Sra. do Amial

Desmembrada da enorme Paróquia de Paranhos, e ainda da do Carvalhido, foi criada em 18 de Outubro de 1964, a «Paróquia experimental» de Nossa Senhora do Ameal, com sede na Capela do Bairro do mesmo nome. A 12 de Outubro de 1964, o senhor Administrador Apostólico da Diocese do Porto, escreveu uma carta-documento ao capelão do Bairro do Amial, a comunicar-lhe a elevação da Capelania a Paróquia Experimental e a dar-lhe jurisdição de Pároco. Desse documento transcrevem-se algumas passagens e faz-se um pouco de história da Paróquia:

“Chegou o momento de se iniciar uma nova etapa na formação da futura comunidade em que há-de integrar o Bairro do Amial e bem assim o do Regado que lhe está ao pé…”

Mais adiante lê-se no mesmo documento:

“A partir do dia 18, Domingo, fica V. Rv.cia investido em jurisdição quase-paroquial sobre as famílias e fiéis residentes no território abaixo delimitado, as quais poderão ainda optar, por enquanto, entre esta jurisdição agora conferida e a dos Párocos respectivos”.

Faz um apelo ao povo para que colabore com o sacerdote jurisdicionado na árdua preparação da futura Paróquia, e por fim faz a delimitação da Paróquia do Amial. Diz o documento:

“Os limites territoriais da jurisdição de V. Rv.cia são os seguintes: A Poente: Desde o limite actual da paróquia de Paranhos, a Via Norte e o seu traçado constante no Plano Director da Cidade até ao entroncamento com a futura Via de Cintura Interna. A Sul: O traçado da referida Via de Cintura Interna até à Rua do Amial, incluindo o prédio nº 167 da mesma. A Norte: O limite da actual Paróquia de Paranhos. A Nascente: Rua do Amial, Rua Carlos Ramos, Rua Conde de Avranches, e uma linha paralela pelo nascente à Rua de São Tomé, e a duzentos metros desta, até ao actual limite Norte de Paranhos”.

Foi com este documento que começou a Paróquia Experimental do Amial.

Esta Paróquia terá como Padroeira Nossa Senhora de Fátima. Foi nomeado como seu primeiro responsável o Senhor Padre José Resende da Silva Leite, que a paroquiou de 1964 até 9 de Março de 1969. Nessa data foi substituído pelo Padre António Orlando Ramos dos Santos, que a paroquiou até Janeiro de 1975.

A 19 de Janeiro de 1975 fez-se a transferência da “Paróquia Experimental” de Nossa Senhora do Ameal para a jurisdição e cuidados pastorais de Fraternidade do Porto, passando a nossa Igreja da Imaculada a ser a paroquial. O Padre Carlos Fernandes Pereira de Carvalho (Frei Avelino de Amarante) foi nomeado Pároco, com os Padres Manuel Arantes da Silva e João Santos Costa como seus Coadjutores. Estas nomeações, de acordo com o Senhor Bispo, foram feitas a título provisório até ao Capítulo Provincial, que se realizaria no seguinte mês de Junho. A Capela do Ameal, que até aí fora sede da “Paróquia Experimental”, passou a funcionar, a partir desse data, como um simples lugar de culto dentro da nova Paróquia.

Por decreto de 03.12.1980, com entrada em vigor em 08.12.1980, Sua excelência Rv.ma o Senhor Bispo do Porto Dom António Ferreira Gomes, concedeu o estatuto de Paróquia Definitiva à Paróquia Experimental de Nossa Senhora do Amial, com sede na Igreja da Imaculada dos Rv.dos Padres Capuchinhos, sita à Rua Nova do Tronco, ao Amial, determinando os respectivos limites e mandando constituir o “Conselho da Fábrica da Igreja e do Benefício Paroquial” nos termos do direito Canónico e do “Regulamento Central” respectivo.

Fonte: Os Capuchinhos no Porto, 50 anos da Igreja da Imaculada de J. Machado Lopes

 

Horários

Eucaristias:
Igreja Paroquial – de 2ªf a Sábado – às 09h e às19h
Dom – às 10h, 11.30h e 19h
Capela do Amial – Sábado às 18h (Bairro do Amial)

Reconciliação: de 2ªf a Sábado – das 09.30h às 18.30h

Oração do Terço da Misericórdia: de 2ªf a Sábado às 08.45h
Oração do Terço: todos os dias às 18.30h

 

Contatos:

Site: http://paroquiadoamial.pt/

 

Paróquia do Amial (Nª Srª de Fátima)
Rua Nova do Tronco, 504
4250-340 PORTO | Tel: 228 348 850
E-mail: Este endereço de email está protegido contra piratas. Necessita ativar o JavaScript para o visualizar.

Secretaria Paroquial / Cartório
Horário: dias úteis
Das 14.30h às 18.00 horas | Tel: 228 348 852
E-mail: Este endereço de email está protegido contra piratas. Necessita ativar o JavaScript para o visualizar.

 

Agenda

Mais lidos

  • Semana

  • Mês

  • Todos