"Esta Palavra está perto de ti"

 

LEITURAS:

1ª: Dt 30,10-14. Salmo 60/68,14.17.30-31.33-34.36ab.37. R/ Procurai, pobres, o Senhor e encontrareis a vida. 2ª: Cl 1,15-20. Evº: Lc 10,25-37. III Sem. Salt.

 

UMA IDEIA

Os textos bíblicos apresentam duas portas de entrada: a leitura contínua da Carta aos Colossenses, que se vai desenvolver em quatro domingos; e o início da secção de Lucas, com cinco episódios, para responder à pergunta feita hoje pelo doutor da lei: «Mestre, que hei de fazer para receber como herança a vida eterna?» (evangelho). Jesus, «a imagem de Deus invisível, o Primogénito de toda a criatura» (2ª), responde com a parábola do bom samaritano, que lembra a sua própria ação connosco. Ele é a Palavra de Deus que «está perto de ti, está na tua boca e no teu coração, para que a possas pôr em prática» (1ª). O desafio é fazer o mesmo: ir ao encontro do outro, descer até ele, cuidá-lo, ficar disponível. Assim se experiencia o amor de Deus nas fragilidades da vida: «buscai o Senhor e o vosso coração se reanimará» (salmo).

 

UM SENTIMENTO

As objeções já estão previstas: «não está acima das tuas forças nem fora do teu alcance» (1ª). A proposta não é inalcançável. É possível, está próxima como a boca e o coração: como a boca, para que possa ser proclamada e anunciada; como o coração, para que possa ser guardada. «Esta palavra está perto de ti… para que a possas pôr em prática» (1ª). Ser pessoa ou povo em aliança com Deus consiste em converter a vida, pela escuta e pela prática. Por isso, quando o doutor da lei quer saber o que é preciso fazer para alcançar a vida eterna, Jesus Cristo guia-o para o essencial. Aquele doutor da lei tinha dificuldade em perceber o mais importante dos «preceitos e mandamentos»: «pôr em prática», ou seja, «vai e faz o mesmo».

Agenda

Últimas notícias

Mais lidos