“No Senhor está a misericórdia”

 

LEITURAS:

1ª: Gn 3,9-15. Salmo 130/129,1-2.3-4ab.4c--6.7-8 R/ No Senhor está a misericórdia e abundante redenção. 2ª: 2 Cor 4,13–5,1. Evº: Mc 3,20-35. II Sem. Saltério

 

UMA IDEIA

«Que fizeste?» (1ª). A palavra bíblica confronta-nos com a desobediência de Adão e Eva, um relato poético que anuncia as nossas próprias infidelidades. Mas também nos recorda a existência de uma «graça mais abundante» (2ª). Deus é misericórdia. Em Deus «está o perdão» (salmo). Apesar da fragilidade do pecado, o cristão esforça-se por não ficar preso às «coisas visíveis». Deixa-se envolver pela ação de Deus que renova o «interior» e o faz participante da morte e ressurreição de Jesus. Unidos a Cristo no acreditar e na prática do dia a dia, tornamo-nos seus familiares: «Quem fizer a vontade de Deus esse é meu irmão, minha irmã e minha Mãe» (evangelho).

 

UM SENTIMENTO

«Onde estás?» (1ª). Deus procura o ser humano. Toma a iniciativa. Não o faz com uma acusação, mas com uma pergunta que abre ao perdão e ao amor. Não precisamos de ter medo de Deus; precisamos de nos deixar abraçar pela misericórdia que vem ao nosso encontro. O crente assume-se como «mendigo da misericórdia. Se é assim que nos sentimos, não nos preocupemos: é esse o nosso lugar. [...] Como o faz Angelus Silesius: “Para Deus não posso ir nu, / mas devo ser devestido”. Nem nu, nem sequer vestido, mas segundo esta nova condição que é devestido. O mais importante não é o que fui, nem o que sou, mas a potencialidade que Deus, o desejo de Deus, desperta em mim» (J. Tolentino Mendonça).

 

UMA IMAGEM

Um abraço ou um gesto de perdão é início de vida nova.

Agenda

Mais lidos

  • Semana

  • Mês

  • Todos