Est 6

Da wiki Biblia Online
Ir para: navegação, pesquisa

Haman é condenado à morte 1Naquela noite, o rei não pôde con­ciliar o sono. Mandou que lhe trou­xessem o livro das memó­rias, as Crónicas, que na sua presença foram lidas. 2Nelas estava escrita a rela­ção da denúncia que lhe fizera Mar­do­queu da conspiração de Bigtan e Te­res, os dois eunucos do rei, guar­das do átrio, que quiseram levantar a mão contra o rei Assuero.

3O rei perguntou: «Que honras e distinções recebeu Mardoqueu por isto?» Responderam os servos do rei: «Não recebeu nenhuma.» 4Então o rei disse: «Quem está no átrio?» Ora Haman viera ao átrio exterior do pa­lá­­cio, para pedir ao rei que man­dasse suspender Mardoqueu na forca que mandara levantar. 5Os servos do rei responderam: «É Haman que está no átrio.» O rei ordenou: «Que entre!»

6Entrou, pois, Haman e o rei per­guntou-lhe: «Que se deve fazer a um homem a quem o rei quer hon­rar?» Pensou Haman: «A quem senão a mim quererá o rei honrar?» 7E logo respondeu: «Para honrar um ho­mem a quem o rei quer hon­rar, 8é neces­sário mandar trazer as vestes com que se vestiu o rei e o cavalo que ele montou e colocar a coroa real na cabeça dele. 9As ves­tes, o cavalo e a coroa entregar-se-ão a um dos prín­cipes da corte, para que vista o ho­mem a quem o rei quer honrar, pas­seando-o a cavalo pela praça da ci­dade e dizendo em altos brados diante dele: ‘É assim que é tratado o homem a quem o rei quer honrar’.»

10O rei disse a Ha­man: «Toma, pois, depressa as ves­tes e o cavalo, como disseste, e faz tudo isso a Mar­do­queu, o judeu que está sentado à por­ta do rei. Não omitas nada de tudo o que disseste.» 11Haman to­mou as vestes e o cavalo, vestiu Mar­do­queu e con­du­ziu-o, a cavalo, pela praça da ci­dade, cla­mando diante dele: «É assim que é tratado o ho­mem a quem o rei quer honrar.»

12Depois, Mardoqueu voltou para a porta do palácio, enquanto Ha­man se retirava precipitadamente para casa, desolado e de cabeça co­berta. 13E contou a Zeres, sua mu­lher, e a todos os seus amigos o que lhe acon­tecera. Os seus conselheiros e a sua mulher Zeres responderam-lhe: «Se Mardoqueu, diante do qual começaste a cair, pertence ao povo judeu, não o conseguirás vencer, mas sucumbi­rás diante dele.»

14Falavam ainda, quando os eunu­­cos do rei chegaram para o levar imediatamente ao banquete que Es­ter tinha preparado.



Capítulos

Est 1 Est 2 Est 3 Est 4 Est 5 Est 6 Est 7 Est 8 Est 9 Est 10