Gn 8

Da wiki Biblia Online
Ir para: navegação, pesquisa

1Deus recordou-se de Noé e de todos os animais, tanto domésticos como selvagens, que estavam com ele na arca. Por isso, Deus mandou um vento sobre a terra e as águas começaram a descer. 2As fontes do abismo e as cataratas dos céus foram encerradas, e a chuva parou de cair do céu. 3As águas retiraram-se gradualmente da terra e começaram a diminuir ao fim de cento e cinquenta dias. 4No dia dezassete do sétimo mês, a arca poisou sobre os montes de Ararat. 5As águas foram diminuindo até ao décimo mês. No primeiro dia do décimo mês, emergiram os cumes das montanhas.

6Decorridos quarenta dias, Noé abriu a janela que tinha feito na arca 7e soltou o corvo, que saiu repetidas vezes, enquanto iam secando as águas sobre a terra. 8Depois, soltou a pomba, a fim de verificar se as águas tinham diminuído à superfície da terra. 9Mas, não tendo encontrado sítio para poisar, a pomba regressou à arca, para junto dele, pois as águas cobriam ainda a superfície da terra. Estendeu a mão, agarrou a pomba e meteu-a na arca. 10Aguardou mais sete dias; depois soltou novamente a pomba, 11que voltou para junto dele, à tarde, trazendo no bico uma folha verde de oliveira. Noé soube, então, que as águas sobre a terra tinham baixado. 12Aguardou ainda outros sete dias; depois tornou a soltar a pomba, mas, desta vez, ela não regressou mais para junto dele.


A arca em terra13No ano seiscentos e um, no primeiro dia do primeiro mês, as águas começaram a secar sobre a terra. Noé abriu o tecto da arca e viu que a superfície da terra estava seca. 14No vigésimo sétimo dia do segundo mês, a terra estava seca.

15Deus, então, disse a Noé: 16«Sai da arca com a tua mulher, os teus filhos e as mulheres dos teus filhos. 17Retira também da arca os animais de toda a espécie que estão contigo, as aves, os quadrúpedes, os répteis todos que rastejam, a fim de se espalharem pela terra; que sejam fecundos e se multipliquem sobre a terra.»

18Noé saiu com os seus filhos, a sua mulher e as mulheres dos seus filhos. 19Todos os animais selvagens, todos os répteis, todas as aves, todos os seres que se movem sobre a terra, segundo as suas espécies, também saíram da arca. 20Noé construiu um altar ao SENHOR e, de todos os animais puros e de todas as aves puras, ofereceu holocaustos no altar. 21O SENHOR sentiu o agradável odor e disse no seu coração:

«De futuro, não amaldiçoarei mais a terra por causa do homem,
pois as tendências do coração humano são más, desde a juventude,
e não voltarei a castigar os seres vivos, como fiz.
22Enquanto subsistir a terra,
haverá sempre a sementeira
e a colheita,
o frio e o calor,
o Verão e o Inverno,
o dia e a noite.»



Capítulos

Gn 1 Gn 2 Gn 3 Gn 4 Gn 5 Gn 6 Gn 7 Gn 8 Gn 9 Gn 10 Gn 11 Gn 12 Gn 13 Gn 14 Gn 15 Gn 16 Gn 17 Gn 18 Gn 19 Gn 20 Gn 21 Gn 22 Gn 23 Gn 24 Gn 25 Gn 26 Gn 27 Gn 28 Gn 29 Gn 30 Gn 31 Gn 32 Gn 33 Gn 34 Gn 35 Gn 36 Gn 37 Gn 38 Gn 39 Gn 40 Gn 41 Gn 42 Gn 43 Gn 44 Gn 45 Gn 46 Gn 47 Gn 48 Gn 49 Gn 50