Gn 11

Da wiki Biblia Online
Ir para: navegação, pesquisa

A torre de Babel1Em toda a Terra, havia somente uma língua, e empregavam-se as mesmas palavras. 2Emigrando do oriente, os homens encontraram uma planície na terra de Chinear e nela se fixaram. 3Disseram uns para os outros: «Vamos fazer tijolos, e cozamo-los ao fogo.» Utilizaram o tijolo em vez da pedra, e o betume serviu-lhes de argamassa. 4Depois disseram: «Vamos construir uma cidade e uma torre, cujo cimo atinja os céus. Assim, havemos de tornar-nos famosos para evitar que nos dispersemos por toda a superfície da Terra.»

5O SENHOR, porém, desceu, a fim de ver a cidade e a torre que os homens estavam a edificar. 6E o SENHOR disse: «Eles constituem apenas um povo e falam uma única língua. Se principiaram desta maneira, coisa nenhuma os impedirá, de futuro, de realizarem todos os seus projectos. 7Vamos, pois, descer e confundir de tal modo a linguagem deles que não consigam compreender-se uns aos outros.»

8E o SENHOR dispersou-os dali por toda a superfície da Terra, e suspenderam a construção da cidade. 9Por isso, lhe foi dado o nome de Babel, visto ter sido lá que o SENHOR confundiu a linguagem de todos os habitantes da Terra, e foi também dali que o SENHOR os dispersou por toda a Terra.


De Sem a Abraão (1 Cr 1,24-27; Lc 3,34--36) – 10Esta é a descendência de Sem: aos cem anos de idade, Sem gerou Arfaxad, dois anos depois do dilúvio. 11Sem, após o nascimento de Arfaxad, viveu ainda quinhentos anos e gerou filhos e filhas. 12Arfaxad, de trinta e cinco anos, gerou Chela. 13Depois do nascimento de Chela, Arfaxad viveu ainda quatrocentos e três anos, e gerou filhos e filhas. 14Chela, de trinta anos, gerou Éber. 15Depois do nascimento de Éber, Chela viveu ainda quatrocentos e três anos e gerou filhos e filhas. 16Éber, de trinta e quatro anos, gerou Péleg. 17Depois do nascimento de Péleg, Éber viveu ainda quatrocentos e trinta anos e gerou filhos e filhas. 18Péleg, de trinta anos, gerou Reú. 19Depois do nascimento de Reú, Péleg viveu ainda duzentos e nove anos e gerou filhos e filhas. 20Reú, de trinta e dois anos, gerou Serug. 21Depois do nascimento de Serug, Reú viveu ainda duzentos e sete anos, e gerou filhos e filhas. 22Serug, de trinta anos, gerou Naor. 23Depois do nascimento de Naor, Serug viveu ainda duzentos anos, e gerou filhos e filhas. 24Naor, de vinte e nove anos, gerou Tera. 25Depois do nascimento de Tera, Naor viveu ainda cento e dezanove anos e gerou filhos e filhas. 26Tera, de setenta anos, gerou Abrão, Naor e Haran.

27Esta é a descendência de Tera: Tera gerou Abrão, Naor e Haran. 28Haran gerou Lot. E Haran morreu, vivendo ainda Tera, seu pai, na terra da sua naturalidade, em Ur, na Caldeia. 29Abrão e Naor casaram--se. O nome da mulher de Abrão era Sarai, e a de Naor era Milca, filha de Haran, pai de Milca e de Jiscá. 30Sarai era estéril, não tinha filhos.

31Tera tomou seu filho Abrão, seu neto Lot, filho de Haran, e sua nora Sarai, mulher de Abrão, seu filho, e partiu com eles de Ur, na Caldeia, e dirigiram-se para a terra de Canaã. Chegados a Haran, aí se fixaram. 32Tera viveu duzentos e cinco anos, e morreu em Haran.



Capítulos

Gn 1 Gn 2 Gn 3 Gn 4 Gn 5 Gn 6 Gn 7 Gn 8 Gn 9 Gn 10 Gn 11 Gn 12 Gn 13 Gn 14 Gn 15 Gn 16 Gn 17 Gn 18 Gn 19 Gn 20 Gn 21 Gn 22 Gn 23 Gn 24 Gn 25 Gn 26 Gn 27 Gn 28 Gn 29 Gn 30 Gn 31 Gn 32 Gn 33 Gn 34 Gn 35 Gn 36 Gn 37 Gn 38 Gn 39 Gn 40 Gn 41 Gn 42 Gn 43 Gn 44 Gn 45 Gn 46 Gn 47 Gn 48 Gn 49 Gn 50