Ap 15

Da wiki Biblia Online
Ir para: navegação, pesquisa

Sétimo sinal: o mar de vidro e as sete pragas - 1Depois vi no céu outro sinal maravilhoso e surpreendente: sete anjos eram portadores dos sete últimos flagelos porque neles se cumpria a ira de Deus.

2Vi ainda uma espécie de mar de vidro misturado com fogo. Os que tinham vencido a Besta, a estátua da Besta e o número correspondente ao nome da Besta estavam junto do mar de vidro com as harpas que Deus lhes tinha dado.

3E cantavam o Cântico de Moisés, servo do Senhor, e o cântico do Cordeiro, aclamando:

«Grandes e admiráveis são as tuas obras,
Senhor Deus todo-poderoso!
Justos e verdadeiros são os teus caminhos,
ó Rei das nações!
4Senhor, quem não reverenciará o teu nome?
Quem não lhe dará glória?
Porque só Tu és santo!
Todas as nações virão prostrar-se diante de Ti,
pois as tuas justas sentenças foram promulgadas!»

5Depois disto, vi abrir-se no céu o santuário que abrigava a Tenda do Encontro. 6Do santuário saíram os sete anjos que eram portadores dos sete flagelos; estavam vestidos de linho puro, resplandecente, e cingidos de cintos de ouro à volta do peito. 7Então, um dos quatro seres viventes entregou aos sete anjos sete taças de ouro cheias da ira de Deus, que vive eternamente.

8O santuário encheu-se do fumo da glória de Deus e do seu poder; ninguém podia lá entrar, antes que se cumprissem os sete flagelos dos sete anjos.



Capítulos

Ap 1 Ap 2 Ap 3 Ap 4 Ap 5 Ap 6 Ap 7 Ap 8 Ap 9 Ap 10 Ap 11 Ap 12 Ap 13 Ap 14 Ap 15 Ap 16 Ap 17 Ap 18 Ap 19 Ap 20 Ap 21 Ap 22